AgnoCafe - O Site do Cafeicultor
Assunto: Categoria de noticia: Data:
Imprimir notícia

Morre o neto do Barão do Café, herdeiro de casarão da Avenida Paulista


Dono e morador do famoso casarão do número 1919 da Avenida Paulista, Renato Franco de Mello morreu nesta terça-feira (5) em São Paulo. Segundo amigos, ele foi vítima de complicações de um câncer que combatia havia mais de um ano.

Casarão tombado - Casarão da Avenida Paulista Casarão tombado

Casarão tombado (Reprodução/)

Renato foi enterrado na tarde desta quarta-feira (4), no Cemitério do Araçá, na Zona Oeste de São Paulo. O casarão da Belle Époque, próximo ao Conjunto Nacional e a dois quarteirões do Masp, foi construído em 1905 pelo avô de Mello, barão do café

Em 1992, o Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico de São Paulo tombou o imóvel. A família que herdou o palacete alegou na época que a medida desvalorizou a propriedade e exigiu na Justiça a expropriação do terreno.

Vinte anos depois, em 2012, o governo estadual foi condenado a pagar aos herdeiros uma indenização de 110 milhões de reais. O valor nunca foi quitado. Enquanto a quantia não fosse paga, Mello decidiu que habitaria na mansão. Ele se mudou para o endereço em 2010, quando a família o encarregou de cuidar do imóvel deixado pelo avô.

Mello morou no palacete antigo com seu mobiliário de época e outras peças que gostava de colecionar, paixão que nutria desde que fechou seu antiquário na Rua Oscar Freire. Colecionava de tudo, de móveis a quadros. Mantinha lá dentro um banco de jacarandá do século XIII em estilo português, uma mesa rústica holandesa e vários quadros antigos.

Assim como outros parentes, Mello viveu da herança do avô e dos lucros da fazenda que o barão do café tinha, a Fazenda Primavera, perto de Araçatuba, no interior de São Paulo.

Ele divida o casarão da Paulista com uma família de antigos caseiros. Sem dinheiro para pagá-los, permitia que morassem lá de graça em troca do trabalho que faziam na casa.

Fonte: Veja

Comentarios

Inserir Comentário
Contrato Cotação Variação
Maio 101,65 0
Julho 104,30 0
Setembro 107,00 0
Contrato Cotação Variação
Maio 1.556 + 1
Julho 1.563 - 2
Setembro 1.579 - 2
Contrato Cotação Variação
Março 114,30 - 0,70
Maio 119,40 0
Setembro 125,80 - 0,65
Contrato Cotação Variação
Dólar 3,7360 + 0,86
Euro 4,2260 + 1,07
Ptax 3,7349 + 0,52
  • Varginha
    Descrição Valor
    Peneira 14/16 R$ 430,00
    Novíssimo 15% R$ 415,00
    Rio 20% R$ 350,00
    Grinder R$ 410,00
  • Três Pontas
    Descrição Valor
    Peneira 17/18 R$ 480,00
    Duro/riado R$ 395,00
    Novíssimo 15% R$ 415,00
    Novíssimo 20% R$ 410,00
  • Franca
    Descrição Valor
    Duro/riado R$ 395,00
    Novíssimo 17% R$ 413,00
    Novíssimo 25% R$ 405,00
    Safra 17/18 20% R$ 394,00
  • Patrocínio
    Descrição Valor
    Futuro 2019 R$ 420,00
    Futuro 2020 R$ 465,00
    Novíssimo 16% R$ 414,00
    Novíssimo 22% R$ 408,00
  • Garça
    Descrição Valor
    Duro/riado/rio R$ 364,00
    Futuro 2019 R$ 420,00
    Novíssimo 20% R$ 405,00
    Novíssimo 15% R$ 410,00
  • Vitória
    Descrição Valor
    Conilon T. 6 R$ 307,00
    Conilon T. 7 R$ 300,00
    Conilon T. 7/8 R$ 294,00
  • Guaxupé
    Descrição Valor
    Novíssimo 15% R$ 412,00
    Novíssimo 20% R$ 407,00
    Futuro 2020 R$ 465,00
    Duro/riado R$ 390,00
  • Preços OIC
    Descrição Valor
    Compostos OIC R$ 110,12
    Colombianos R$ 126,94
    Outros Suaves R$ 127,80
    Brasileiros R$ 98,86
    Robustos R$ 78,82
  • Indicadores
    Descrição Valor
    Agnocafé R$ 415,00
    Cepe Arábica R$ 405,26
    Cepea Conilon R$ 304,97
Nedstat Basic - Free web site statistics