AgnoCafe - O Site do Cafeicultor
Assunto: Categoria de noticia: Data:
Imprimir notícia

Principal evento da cafeicultura nacional vai ser totalmente digital


Principal evento nacional do setor e um dos cinco maiores do mundo, a Semana Internacional do Café (SIC) precisou se adaptar com a chegada da pandemia mundial do novo Coronavírus (Covid-19). Realizado anualmente em BH, a edição 2020 - de 18 a 20 de novembro - será 100% digital, por meio de uma plataforma exclusiva, desenvolvida especialmente para a SIC.

Conhecida por sua extensa programação, milhões de reais em negócios realizados e ampla rede de conexão, a SIC manterá seus pilares oferecendo exposição de marcas, palestras, painéis, entrevistas, encontros, reuniões, premiações, cursos e competições. A grande novidade deste ano é que todo o conteúdo será gratuito durante os três dias de evento.

Produtores, classificadores, torrefadores, traders, exportadores, proprietários de cafeterias, baristas e especialistas conhecerão as novidades do mercado e poderão também descobrir e ter acesso a quem produz os melhores cafés brasileiros da safra 2020/2021, no concurso Coffee of the Year Brasil.

"A SIC tem como foco o desenvolvimento do mercado brasileiro e a divulgação da qualidade dos cafés nacionais para o consumidor interno e países compradores, além de potencializar o resultado econômico e social do setor. É de extrema importância que possamos promover o evento de forma digital, este ano, para que resultados expressivos e crescentes sejam obtidos”, pontua Roberto Simões, presidente do Sistema FAEMG.

Em 2019, a SIC teve visitação recorde de 23 mil pessoas e R$ 50 milhões em negócios iniciados, com 40 eventos simultâneos, 220 expositores e 31 países visitantes.

Em recentes pesquisas, o café se mostrou a bebida mais resiliente na pandemia e mantém índices de crescimento e consumo.

Um dos focos da SIC 2020 também será a exposição de produtos e marcas, com atrações para os produtores rurais, cooperativas, torrefadores, exportadores, varejistas, empreendedores, food service e baristas. Empresas interessadas poderão expor seus produtos dentro da plataforma e criar promoções especiais para os participantes da SIC.

“A SIC - como uma plataforma de conexão entre todo o setor - é uma vitrine e aceleradora de projetos inovadores. Nossa missão sempre foi promover um ambiente que pudesse criar essas oportunidades. Esse ano, no digital, vamos trazer para o visitante toda essa riqueza de conteúdo e networking, continuar a gerar negócios no café; que tem apresentado resiliência, apesar da pandemia”, afirma Caio Alonso Fontes, diretor de planejamento da Café Editora.

Com o evento 100% digital, o objetivo é que a visitação possa ser ampliada e que mais profissionais possam acessar a plataforma - por meio de cadastro prévio - para conhecer as oportunidades do mercado de café e conhecimento. Dentre as atrações previstas está a presença de convidados internacionais do setor, que trarão conhecimento em cursos e painéis, além de renomados especialistas nacionais que apresentarão conteúdos exclusivos e de muita relevância.

Em um ano de safra brasileira de café com alta qualidade e ótimas perspectivas, a SIC terá também como um dos focos o apoio às regiões produtoras e as indicações geográficas. O Sebrae, um dos realizadores do evento, trará conteúdos para debater sobre os movimentos, tendências e perspectivas do café no Brasil e no mundo. O Minas Coffee Origins Summit volta para evoluir temas determinantes para o café.

“Vamos discutir novas ideias, novas oportunidades de crescimento para produtores e empresários do setor que buscam diferenciação, desenvolvimento das suas regiões produtoras e valorização da origem. Tudo isso sem perder de vista que o café tem uma cadeia produtiva complexa e que demanda, cada vez mais, transparência para gerar e ampliar o impacto coletivo”, destaca Priscilla Lins, gerente de Agronegócio do Sebrae Minas.

A safra de café 2020/2021 está sendo colhida desde maio em todo o Brasil e apresenta números positivos. Segundo levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB), em quase todas as regiões produtoras de café do país estima-se uma produção maior que em 2019, devendo alcançar o total nacional de até 62 milhões de sacas beneficiadas. No arábica, a produção estimada é de até 46 milhões de sacas, representando aumento em comparação ao volume produzido na safra passada de até 34,1%. No canéfora/conillon, a produção estimada é de até 16 milhões de sacas, representando crescimento de até 6,8%, em comparação ao volume produzido na safra passada.

Além do volume, a qualidade é muito importante neste ano-safra. A dedicação dos produtores no manejo para a produção de cafés especiais está mostrando esses resultados. “Estamos com uma expectativa positiva em relação à qualidade da safra de café neste ano e acreditamos que, durante a SIC - que faz parte da política de promoção do café mineiro - será possível que o público possa ter acesso virtual aos melhores resultados da colheita e que o produtor agregue valor ao seu produto”, afirma Ana Valentini, secretária de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais.

A programação completa e os convidados confirmados serão informados pela organização por meio do site oficial – www.semanainternacionaldocafe.com.br – e em nossas mídias sociais.

A Semana Internacional do Café (SIC) é uma iniciativa do Sistema FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais), da Café Editora, do Sebrae e do Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (Seapa).

Realizada desde 2013 em Belo Horizonte, capital do maior estado produtor do país, a SIC tem como foco o desenvolvimento do mercado brasileiro e a divulgação da qualidade dos cafés nacionais para o consumidor interno e países compradores, além de potencializar o resultado econômico e social do setor. Este ano de 2020, devido à pandemia, será realizada 100% em plataforma digital.


Serviço

Semana Internacional do Café 2020 - 100% Digital

De 18 a 20 de novembro

Acesse: www.semanainternacionaldocafe.com.br

#conectadospelocafé


Comentarios

Inserir Comentário
Contrato Cotação Variação
Dezembro 113,65 + 2,50
Março 115,20 + 2,35
Maio 116,60 + 2,25
Contrato Cotação Variação
Novembro 1.358 + 6
Janeiro 1.376 + 8
Março 1.389 + 9
Contrato Cotação Variação
Dezembro 120,50 + 3,65
Março 120,00 + 1,25
Maio 121,70 + 3,05
Contrato Cotação Variação
Dólar 5,5540 + 0,80
Euro 6,4656 + 0,49
Ptax 5,5667 - 0,08
  • Varginha
    Descrição Valor
    Duro/riado R$ 470,00
    Duro/riado/rio R$ 440,00
    Safra 20/21 15% R$ 570,00
    Safra 20/21 20% R$ 565,00
  • Três Pontas
    Descrição Valor
    Duro/riado R$ 470,00
    Duro/riado/rio R$ 440,00
    Safra 20/21 15% R$ 570,00
    Safra 20/21 25% R$ 560,00
  • Franca
    Descrição Valor
    Duro/riado/rio R$ 440,00
    Safra 20/21 10% R$ 575,00
    Safra 20/21 18% R$ 568,00
    Setembro/2021 R$ 570,00
  • Patrocínio
    Descrição Valor
    Cereja Fino R$ 630,00
    Safra 20/21 15% R$ 570,00
    Safra 20/21 25% R$ 570,00
  • Garça
    Descrição Valor
    Duro/riado R$ 465,00
    Safra 20/21 15% R$ 560,00
    Safra 20/21 20% R$ 550,00
    Safra 20/21 30% R$ 540,00
  • Vitória
    Descrição Valor
    Conilon T. 6 R$ 406,00
    Conilon T. 7 R$ 400,00
    Conilon T. 7/8 R$ 394,00
  • Guaxupé
    Descrição Valor
    Duro/riado/rio R$ 440,00
    Duro/riado R$ 465,00
    Safra 20/21 15% R$ 570,00
    Safra 20/21 25% R$ 560,00
  • Preços OIC
    Descrição Valor
    Compostos OIC R$ 109,31
    Colombianos R$ 157,95
    Outros Suaves R$ 156,77
    Brasileiros R$ 104,20
    Robustos R$ 70,73
  • Indicadores
    Descrição Valor
    Agnocafé 20/21 R$ 570,00
    Cepea Arábica R$ 542,53
    Cepea Conilon R$ 401,91
Nedstat Basic - Free web site statistics