AgnoCafe - O Site do Cafeicultor
Assunto: Categoria de noticia: Data:
Imprimir notícia

Este sapato impermeável é feito com resíduos de café e plástico reciclado


Sapatos

Sapato da linha Originals, da Rens, é feito com resíduos de café (Foto: Reprodução / Instagram @rensoriginal)

Quando parar para tomar o próximo cafezinho, olhe bem para a borra que sobra no final: ela pode se transformar em uma peça de vestuário. Mais precisamente, um par de sapatos sustentáveis. Pelo menos foi isso que a empresa filandesa Rens fez ao lançar um novo calçado inteiramente feito de borra de café e garrafas plásticas sustentáveis.

De acordo com a Organização Internacional do Café, os filandeses são o povo que mais consome café no mundo — 12 kg per capita por ano — e todos os grãos utilizados produzem uma quantidade enorme de resíduos, cerca de 14,4 toneladas por ano. Isso chega a corresponder a 13% do lixo alimentar anual do país.

"O resíduo de café é um resíduo biológico, mas produz muito metano, que é 32 vezes mais potente que o CO2. Então, o que fazemos aqui é apenas prolongar o ciclo de vida", diz o cofundador e CEO da Rens, Jesse Tran, ao Euro News.

A empresa desenvolveu a linha Originals com o material reciclado. Cada par contém 300 gramas de resíduos de café, o equivalente a 21 xícaras. Tran explica que a borra do café é misturada a bolinhas de plástico reciclado, criando um fio de poliéster de café.

O empreendedor teve a ideia em julho de 2017 e levantou € 486 mil (cerca de R$ 3 milhões, na cotação atual) via KickStarter. Em agosto do ano passado, uma nova arrecadação conseguiu € 300 mil (R$ 1,8 milhão), que ele pretende usar para criar a segunda geração de calçados de café, chamada de Nomad.

Para calçar esses tênis o consumidor precisa desembolsar cerca de € 96 (quase R$ 600). Apesar do alto valor, se comparado a produtos não sustentáveis, a empresa diz que os resultados têm sido bons. Inclusive, já há planos para peças de roupa que usem como matéria-prima itens que seriam jogados no lixo. “Seja qual for o produto que fizermos, aplicaremos a mesma fórmula, que é de material à base de resíduos. Pode ser resíduo de café novamente ou pode ser outra coisa", diz.

Fonte: PNGE

Comentarios

Inserir Comentário
Contrato Cotação Variação
Julho 216,70 + 3,05
Setembro 217,00 + 3,05
Dezembro 216,90 + 3,10
Contrato Cotação Variação
Julho 2.088 + 45
Setembro 2.088 + 43
Novembro 2.071 + 31
Contrato Cotação Variação
Julho 264,60 0
Setembro 271,00 + 4,90
Dezembro 270,35 + 4,90
Contrato Cotação Variação
Dólar 4,8580 + 0,96
Euro 5,1800 + 0,29
Ptax 4,8334 + 0,44
  • Varginha
    Descrição Valor
    Safra 20/21 15% R$ 1320,00
    Safra 20/21 25% R$ 1300,00
    Novissímo 18 R$ 1210,00
    Duro/riado 30% R$ 1250,00
  • Três Pontas
    Descrição Valor
    Pen. 14/15/16 R$ 1340,00
    Safra 20/21 15% R$ 1320,00
    Novissímo 25 R$ 1200,00
    Duro/riado 25% R$ 1260,00
  • Franca
    Descrição Valor
    Certificado R$ 1330,00
    Safra 20/21 15% R$ 1320,00
    Safra 20/21 25% R$ 1300,00
    Cereja R$ 1340,00
  • Patrocínio
    Descrição Valor
    Certificado R$ 1330,00
    Safra 20/21 15% R$ 1320,00
    Safra 20/21 25% R$ 1300,00
    Cereja R$ 1340,00
  • Garça
    Descrição Valor
    Safra 20/21 20% R$ 1310,00
    Safra 20/21 30% R$ 1290,00
    Repasse bene. R$ 1120,00
    Escolha 80% R$ 1080,00
  • Guaxupé
    Descrição Valor
    Safra 20/21 15% R$ 1320,00
    Safra 20/21 25% R$ 1300,00
    Duro/riado 30% R$ 1250,00
    Novissímo 18 R$ 1210,00
  • Preços OIC
    Descrição Valor
    Compostos OIC R$ 1204,00
    Colombianos R$ 1800,00
    Outros Suaves R$ 1637,00
    Brasileiros R$ 1342,00
    Robustos R$ 639,00
  • Indicadores
    Descrição Valor
    Agnocafé 20/21 R$ 1320,00
    Cepea Arábica R$ 1218,65
    Cepea Conilon R$ 733,25
  • Linhares
    Descrição Valor
    Conilon T. 6 R$ 780,00
    Conilon T. 7 R$ 773,00
    Conilon T. 7/8 R$ 765,00