AgnoCafe - O Site do Cafeicultor
Assunto: Categoria de noticia: Data:
Imprimir notícia

O El Niño poderia continuar pressionando a arbitragem NY LN?


Este ano, espera-se que o El Niño se torne ativo (quando o índice ONI ultrapassa 0,5 °C, conforme mostrado no Gráfico # 2, na possível ocorrência mais forte desde 2015/16. O fenômeno geralmente leva a um clima mais quente e seco na maioria das áreas produtoras de café durante as principais janelas de desenvolvimento – incluindo Brasil, Centrais e Vietnã.



“A resposta da arbitragem NY-LN depende da intensidade do evento, mas, via de regra, embora a tendência seja inversamente proporcional, a influência exclusiva do fenômeno na arbitragem pode ter chegado a um limite”, explica Natália Gandolphi, analista de Café hEDGEpoint Global Markets.
 
O gráfico #1, de acordo com o novo relatório de café da companhia, mostra a relação entre o índice ONI e a arbitragem NY-LN. Atualmente, a arb já está em um nível mais baixo do que seria sugerido para o nível atual do ONI.
 
Atualmente na faixa de 40-50 c/lb, a influência do fenômeno sobre o aperto da arbitragem pode estar chegando ao fim. No último mês, a arbitragem ao longo da curva passou de uma diferença de 9% em relação ao contrato de setembro de 2023 para 28% na arbitragem do contrato de novembro/dezembro de 2024.
 
Neste momento, a arbitragem está a um nível de distribuição de frequências comum, ao contrário do preço observado em Londres. Com a preferência por opções mais baratas, aliada à queda na produção no Vietnã (22/23), a expectativa de redução no Brasil (23/24) e queda na Indonésia (23/24), o preço em Londres está em um dos percentis de frequência mais baixos desde 2008 – apesar de um valor padrão na arbitragem.
 
No Brasil, o spread entre arábica e conilon também aperta. Seguindo tanto as influências do mercado externo quanto a dinâmica de disponibilidade interna para 23/24, o spread entre as variedades ficou abaixo de R$ 200/sc. No entanto, o spread interno é menos suscetível ao fenômeno El Niño, pois também pode afetar áreas produtoras de arábica, destaca o relatório.
 
Em Resumo

Com a chegada do inverno ao Brasil sem grandes riscos de geadas, o potencial da safra 24/25 pesa na curva futura. O desenvolvimento da safra 23/24 mostra indicadores mais positivos na Colômbia e no Vietnã, com índice de vegetação positivo, enquanto o quadro na América Central é mais incerto.
 
Na dinâmica NY-LN, o suporte gerado pelo El Niño pode se desgastar. Embora o fenômeno seja altista em geral, já que atrapalha a produção dos principais países produtores de café, os possíveis impactos sobre a safra brasileira 24/25 ainda não estão sendo precificados.
 
Também é importante ressaltar que, embora a relação entre o Índice ONI e a arbitragem NY-LN já se encontre testando os suportes mencionados, outros fatores fundamentais ainda podem influenciar a dinâmica entre as duas bolsas de referência. Em especial, o desenvolvimento da safra 23/24 nos países que colhem em outubro, apetite comprador nos destinos, e o inverno brasileiro. Confira aqui o relatório completo

Sobre a hEDGEpoint Global Markets

A hEDGEpoint Global Markets é uma empresa especializada em inteligência de mercado, consultoria, gestão de risco e soluções de hedge para a cadeia de valor global de commodities, com larga experiência nos mercados agrícolas e de energia. Está presente em cinco continentes e oferece aos clientes produtos de hedge baseados em tecnologia e inovação, mantendo o cliente como ponto central de todos os processos. A companhia trabalha com mais de 60 commodities e mais de 450 produtos de hedge em sua plataforma. Visite nosso site.

Comentarios

Inserir Comentário
Contrato Cotação Variação
Março 179,35 - 4,40
Maio 177,40 - 4,10
Julho 178,05 - 3,90
Contrato Cotação Variação
Janeiro 2.556 - 29
Março 2.528 - 25
Maio 2.494 - 19
Contrato Cotação Variação
Março 217,65 - 3,95
Maio 224,50 0
Setembro 216,15 - 2,80
Contrato Cotação Variação
Dólar 4,9180 - 0,16
Euro 5,3010 - 0,20
Ptax 4,9522 0
  • Varginha
    Descrição Valor
    Duro/riado 15% R$ 920,00
    Safra 22/23 15% R$ 1000,00
    Safra 22/23 25% R$ 980,00
    Peneira 15/16 R$ 1040,00
  • Três Pontas
    Descrição Valor
    Peneira 17/18 R$ 1080,00
    Safra 22/23 15% R$ 1000,00
    Safra 22/23 25% R$ 980,00
    Moka R$ 1020,00
  • Franca
    Descrição Valor
    Duro/Riado 20% R$ 910,00
    Cereja 20% R$ 1040,00
    Safra 22/23 15% R$ 1000,00
    Safra 22/23 25% R$ 980,00
  • Patrocínio
    Descrição Valor
    Safra 22/23 15% R$ 1000,00
    Safra 22/23 25% R$ 980,00
    Peneira 17/18 R$ 1080,00
    Variação R$ 960,00
  • Garça
    Descrição Valor
    Duro/Riado 15% R$ 900,00
    Escolha kg/apro R$ 11,50
    Safra 22/23 20% R$ 990,00
    Safra 22/23 30% R$ 970,00
  • Guaxupé
    Descrição Valor
    Duro/riado 25% R$ 880,00
    Rio com 20% R$ 800,00
    Safra 22/23 15% R$ 1000,00
    Safra 22/23 20% R$ 990,00
  • Indicadores
    Descrição Valor
    Colombiano R$ 852,48
    Agnocafé 22/23 R$ 1000,00
    Cepea Arábica R$ 957,85
    Cepea Conilon R$ 697,78
  • Linhares
    Descrição Valor
    Conilon T. 6 R$ 708,00
    Conilon T. 7 R$ 698,00
    Conilon T. 7/8 R$ 690,00